Buscar
  • Mariana Souza

O que fazer quando alguém está usando minha marca?


Um dos ativos mais importantes de qualquer negócio é a própria imagem, especialmente a marca e todos os elementos associados a ela (branding).


É por meio da marca que o consumidor irá lembrar de seu produto, associar qualidade ao seu serviço e como você será conhecido na internet.


Por isso, a principal medida que você deve tomar em relação à sua marca é registrar no INPI e garantir o uso exclusivo, ou seja,, a titularidade da marca.


Mas o que isso realmente significa?


A principal vantagem do registro é poder utilizar a sua marca sem a preocupação de que outra pessoa vai utilizar indevidamente.


Além disso, o registro garante que a sua ideia seja exclusiva. Só sua. É o selo de titularidade da sua marca.


Se for usada indevidamente, quem registrou terá direito a pedir a interrupção do uso indevido e até indenização por danos à marca.


Sabendo disso, a Marquei preparou esse artigo sobre o que fazer quando descobrir que alguém está usando sua marca indevidamente.


1 – Faça um monitoramento eficaz


Para você ficar sabendo se a sua marca está sendo usada indevidamente, primeiro você deve se preocupar em como você vai investigar isso.


Somente com um monitoramento eficaz, você vai saber se alguém está usando a sua marca, copiando ou até mesmo se passando por você.


2 – Tente uma composição amigável


Muitas vezes as pessoas podem estar usando a sua marca sem saber que ela está registrada.


Embora todo mundo tenha que tomar certos cuidados antes de começar um negócio, é sempre bom entender o outro lado.


Assim, uma simples conversa pelo Facebook ou pelo direct do Instagram pode resolver a situação.


3 – Conte com uma assessoria especializada


Não é sempre que você possui os melhores argumentos, e sem argumento você pode acabar não convencendo a outra pessoa a parar de usar indevidamente a sua marca.


Por isso, acaba se tornando necessário que profissionais com experiência entrem no jogo.


Assim, você pode garantir que a sua marca continue sendo usada exclusivamente por você.


4 – Em última hipótese, recorra à Justiça


Embora o Judiciário possa ser bastante lento e a sua última opção, muitas vezes é impossível que se consiga fazer valer os seus direitos de forma extrajudicial.


Dessa forma, você que já está munido de uma equipe competente e com experiência, poderá recorrer aos Tribunais para que o infrator seja obrigado a parar de usar sua marca.


Ainda, você pode pedir uma indenização caso, mesmo diante de uma ordem judicial, ele continue a usar sua marca indevidamente.


Essa é a importância de garantir o registro de sua marca: a lei sempre vai estar ao seu lado.


Conheça os planos da Marquei em nosso site ou entre em contato com um dos nossos consultores para saber mais sobre o registro da sua marca.


13 visualizações

MARQUEI​

CNPJ nº.: 34.924.976/0001-72

CONTATO

(11) 99599-9820

(62) 98110-7572

contato@marquei.me

©2020 by Marquei.

Todos os direitos reservados